Casa do Empresário promove reunião entre empresários e representantes da prefeitura

A Casa do Empresário promoveu na tarde desta segunda-feira, dia 05 de abril, um encontro entre representantes dos setores comerciais considerados “não essenciais”, o secretário municipal de administração, Luan Campos, e o procurador geral do município, Adriano de Castro. A reunião ocorreu com o intuito de dar voz aos comerciantes cujo os estabelecimentos permanecem fechados por determinação do decreto Onda Roxa.

O presidente da instituição, Julismar Marques, apresentou os convidados e elucidou os motivos para realização do encontro, deixando claro que não é pretensão da instituição abrir os estabelecimentos sem consentimento da prefeitura. Logo após, foi concedido aos empresários um momento para expor seus questionamentos e posicionamentos em relação ao funcionamento atual do comércio.

Durante suas falas, os representantes destacaram o fato do setor estar arcando, injustamente, com as consequências do alto índice de contágio pela Covid-19. Pontuaram também os prejuízos que o fechamento esta acarretando ao setor econômico da cidade e a população que depende do comércio para seu sustento.

Luan garantiu compreender as colocações gerais, entretanto afirmou que a reabertura só ocorrerá após o final da Onda Roxa no município, que no momento está marcada para o dia 11 de abril, por determinação estadual.

Em relação a falta de esclarecimento em determinados pontos do decreto, que podem gerar algumas dúvidas, o procurador evidenciou o fato do documento ser de ordem estadual e aconselhou os presentes a acessarem a ouvidoria do Minas Consciente para obter mais informações.

Ao ser questionado sobre o fato da vacinação não ocorrer aos finais de semana, Luan destacou a falta de insumos que as fornecedoras das vacinas vêm sofrendo, o que atrasa a distribuição para as cidades. Ainda referente ao assunto, ao ser levantado a pretensão da classe empresarial de ajudar na compra de doses, esclareceu que a ação ainda não é permitida, mas que o amparo é bem-vindo.

Foi apresentado ainda pelos empresários presentes algumas ideias para ajudar na redução dos prejuízos, as quais o promotor e o secretário disseram estarem abertos a receberem e considerarem como possíveis ações a serem tomadas. Concluíram dizendo estarem abertos a demais dúvidas e agradecendo o espaço cedido pela entidade.

A reunião faz parte das ações tomadas pela Casa do Empresário que visam a melhor forma de representar seus associados perante o poder público de Viçosa, levando em consideração a economia local e a saúde da população.

Comentários

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *


2021 © Casa do Empresário de Viçosa | Desenvolvido por: Interminas